Lithostrotos ou Gábata

Lithostrotos ou Gábata

Gábata é uma nomenclatura aramaica  para nomear um espaço em Jerusalém. Este lugar que também é conhecido a partir de seu nome grego Lithostrotos. O termo Gabatá faz referência à língua aramaica falada na Judeia, todavia, não é uma tradução comum da expressão Lithostrotos. Ela caracterizava o piso esmaltado ou de mosaico que havia no tribunal, mas tal termo, se expandiu para a frente da sala de julgamento de Pilatos, onde os pavimentos foram deixados.

O local é mencionado em uma passagem Bíblica de João (19:13), no qual o evangelista observa Pôncio Pilatos: “Ele trouxe Jesus para fora e sentou-se no tribunal, no lugar chamado Lithostrotos, em hebraico Gabatá.”

Pelo que se entende, é que os dois termos “Lithostrotos” e “Gabatá” surgiram devido aos aspectos contraditórios sobre o lugar onde Pilatos condenou à morte do Senhor Jesus. O nome em aramaico surgiu devido as configurações do espaço, a natureza e o piso. Há um costume e certa confusão na criação de nomenclaturas, isso é comprovado por João, que em outros locais colocou nomes sírios em alguns sítios, que não são meras traduções do grego. Isto também é provado pelo fato de “Gábata” ser oriundo de uma raiz com significado de “para trás” ou “elevador”, que não trata-se do tipo de pavimento, mas aborda a “elevação” do lugar em pauta.

Alguns estudiosos têm feitos grandes esforços para distinguir “Gabatá”, segundo o exterior do pátio do Templo, que é conhecido como um ambiente pavimentado, ou o ponto de encontro do Grande Sinédrio. Local que estava meio dentro e meio fora dessa parte exterior do Templo, todavia, infelizmente, estes empenhos e pesquisas não podem ser considerados bem sucedidos.

A única máxima que pode ser concluída, a partir das palavras de São João é que ”Gábata” indica o local de Jerusalém, onde Pilatos detinha seu tribunal, onde também conseguiu fazer com que Jesus fosse traído, além de ser onde realizou uma audiência com a participação da multidão judaica, sua formal e final sentença de condenação.

Saiba mais histórias sobre A Terra Santa. Entre em contato conosco e conheça nossos Cursos em Israel, eles possuem roteiros imperdíveis que desbravam diversos sítios arqueológicos de Israel.

Foto: The Judgment on the Gabbatha by James Tissot, c. 1890

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

COMUNICADO IMPORTANTE
*** Devido a utilização não autorizada e indevida das marcas: Moriah International Center e Universidade Hebraica de Jerusalém por aproveitadores, oportunistas e fraudadores, estamos alertando a todos que nossos programas acadêmicos somente são efetivados diretamente conosco, através de nossa representante exclusiva no Brasil Sra. Elaine Paula onde somente ela solicitará: cadastro, contrato assinado e pagamento.
A Moriah International Center NÃO se responsabiliza por grupos ou pessoas com negociações ou pagamentos à terceiros. Alertamos que nossos temas de cursos são SOMENTE os que constam em nosso site.***